fonte: Saúde Abril

Cientistas apresentaram mais dados contundentes de que a cirurgia bariátrica, originalmente focada apenas na perda de peso, pode ser uma arma para combater a hipertensão, condição que afeta um em cada quatro brasileiros. Segundo essa pesquisa, alguns pacientes chegaram a normalizar a pressão sem necessitar de remédios.

A investigação, realizada pelo Hospital do Coração (HCor), em São Paulo, está em andamento há um tempo. As conclusões do primeiro ano do experimento, aliás, já foram apresentadas no Congresso Americano de Cardiologia de 2017.

Pois os mesmos 100 voluntários com índice de massa corporal (IMC) entre 30 e 39,9 — ou seja, com obesidade de grau I ou II — continuaram sendo acompanhados por três anos. Desde o princípio, metade do grupo foi submetida a um by-pass gástrico (o tipo mais comum de bariátrica), enquanto a outra manteve o tratamento clínico tradicional, com medicamentos e orientação de um nutricionista.

Após esse período, constatou-se que 40,9% dos operados permaneceram com a pressão controlada sem recorrerem a nenhum fármaco. Isso só aconteceu com 2,5% dos que foram apenas remediados.